01 de dezembro

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais

Notícias

Neste documento estão contidas as ações realizadas no Paranoá durante a semana de trabalho. Pela quantidade de atividades, eventualmente, alguma benfeitoria poderá ficar de fora.

Obras de zeladoria W – Paranoá – 25-11-22

Neste documento estão contidas as ações realizadas no Paranoá durante a semana de trabalho. Pela quantidade de atividades, eventualmente, alguma benfeitoria poderá ficar de fora.

Obras de zeladoria W – Paranoá – 24-11-22

Neste documento estão contidas as ações realizadas no Paranoá durante a semana de trabalho. Pela quantidade de atividades, eventualmente, alguma benfeitoria poderá ficar de fora.

Obras de zeladoria W – Paranoá – 23-11-22

 

Neste documento estão contidas as ações realizadas no Paranoá durante a semana de trabalho. Pela quantidade de atividades, eventualmente, alguma benfeitoria poderá ficar de fora.

Obras de zeladoria W – Paranoá – 22-11-22

Neste documento estão contidas as ações realizadas no Paranoá durante a semana de trabalho. Pela quantidade de atividades, eventualmente, alguma benfeitoria poderá ficar de fora.

Obras de zeladoria – Paranoá – 21-11-22

Neste documento estão contidas as ações realizadas no Paranoá durante a semana de trabalho. Pela quantidade de atividades, eventualmente, alguma benfeitoria poderá ficar de fora.

Obras de zeladoria – Paranoá – 18-11-22 

Neste documento estão contidas as ações realizadas no Paranoá durante a semana de trabalho. Pela quantidade de atividades, eventualmente, alguma benfeitoria poderá ficar de fora.

Obras de zeladoria – Paranoá – 17-11-22

Neste documento estão contidas as ações realizadas no Paranoá durante a semana de trabalho. Pela quantidade de atividades, eventualmente, alguma benfeitoria poderá ficar de fora.

Obras de zeladoria – Paranoá – 16-11-22 

Neste documento estão contidas as ações realizadas no Paranoá durante a semana de trabalho. Pela quantidade de atividades, eventualmente, alguma benfeitoria poderá ficar de fora.

Obras de zeladoria – Paranoá 

Neste documento estão contidas as ações realizadas no Paranoá durante a semana de trabalho. Pela quantidade de atividades, eventualmente, alguma benfeitoria poderá ficar de fora.

Obras de zeladoria – Paranoá

Este informativo tem o objetivo de atualizar os moradores da comunidade sobre o andamento de todas as obras estruturantes realizadas pelo Governo do Distrito Federal na cidade do Paranoá.

Atualização das obras estruturantes da cidade do Paranoá 

 

Seguindo a Instrução Normativa nº 4, de 1º de junho de 2022, sobre a divulgação e publicidade no período eleitoral, iremos suspender a publicação de conteúdos em nossas redes sociais. 

🗓️ A medida acontecerá a partir do dia 2 de julho até o fim das eleições de 2022. 
Toda e qualquer informação que for essencial para a população do DF será compartilhada no perfil oficial do GDF (@gov_df) e no site da Agência Brasília (agenciabrasilia.df.gov.br).

📢 Caso tenha dúvidas, entre em contato com a nossa ouvidoria!

30/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

29/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

28/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

27/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

23/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

22/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

21/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

20/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

14/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

13/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

08/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

07/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

06/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

02/06/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

31/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

30/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

27/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

26/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

25/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

24/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

23/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

20/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

18/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

16/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

13/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

12/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

11/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

10/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

05/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

04/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

03/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

02/05/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

29/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

Renova-DF no Paranoá.

28/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

27/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

26/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

25/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

20/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

Com imensa satisfação, convido-os para a abertura da Exposição "O Mestre e o Aprendiz, Oscar Niemeyer e Gervásio Cardoso", no Espaço Oscar Niemeyer, em 22/04/2022, às 17h00, promovida pela Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa como parte do calendário de comemoração dos 62 anos de Brasília, e que contará com desenhos inéditos do mais importante arquiteto do Brasil.

A exposição tem como tema principal a relação entre os arquitetos Oscar Niemeyer e Gervásio Cardoso, que trabalharam juntos na construção de Brasília. Trata-se de uma história de amizade e de parceria profissional que se confunde com a própria história de nossa cidade. A mostra contará com fine-arts, documentos raros, reproduções de projetos e desenhos de Oscar Niemeyer, guardados com carinho por Gervásio. Esses desenhos serão expostos ao público pela primeira vez.

As comemorações do aniversário da cidade reforçam o ano em que Brasília se torna a "Capital Ibero-americana das Culturas", título mundial outorgado em 2022 à cidade.

Contamos com a presença de todos.

 

Atenciosamente,

BARTOLOMEU RODRIGUES DA SILVA

Secretário de Estado de Cultura e Economia Criativa

19/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

18/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

14/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

13/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

12/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá

11/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

08/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

07/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

06/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

05/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

04/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

01/04/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

30/03/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

28/03/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

25/03/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

24/03/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

23/03/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

21/03/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

18/03/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

17/03/2022 — Resumo do dia de trabalho da Administração Regional do Paranoá.

Em sua primeira semana de trabalho como o mais novo Administrador Regional do Paranoá, Júnior Carvalho, reuniu-se com as lideranças da cidade, comunidade e equipe técnica com o intuito de ouvir e alinhar ideias. O atual Administrador ocupava o cargo de Coordenador do Polo Leste do GDF  Presente, portanto, conhece bem a cidade do Paranoá. A intenção é  continuar a representar os interesses do Governo do Distrito Federal na Região.

O novo Administrador do Paranoá tem vasta experiência politica, tendo ocupado vários cargos no Governo do Distrito Federal dentre eles já ocupou a cadeira de Administrador Regional de São Sebastião. Junior deve dar continuidade as obras e projetos de seu antecessor Serginho Damaceno que conduziu a cidade com maestria durante sua gestão.
Confira postagem de Junior em suas redes sociais:

Compartilho com vocês que recebi uma nobre missão do nosso governador Ibaneis Rocha e do nosso secretário de governo, José Humberto.

A partir de hoje estarei deixando a Coordenação Regional Área Leste para assumir a Administração Regional do Paranoá, com a tarefa de dar continuidade ao brilhante trabalho até aqui desenvolvido pelo querido Serginho Damaceno.

Meus amigos, ao mesmo tempo em que fico feliz com a confiança a mim depositada, registro que meu coração fica apreensivo em sair da frente deste trabalho que desenvolvemos juntos ao longo dos últimos três anos. Estive  na transição e juntos no SOS DF e no GDF Presente. Este período tem sido de intenso trabalho em favor da recuperação e zeladoria das cidades e juntos construímos uma corrente de amizade, companheirismo, empatia e integração junto com todos os Órgãos do GDF, crescemos, executamos e agregamos.

Eu só tenho a agradecer ao governador, ao secretário José Humberto, ao secretário Valmir Lemos e a toda essa equipe diferenciada e valorosa.
Estou saindo do GDF Presente, mas continuamos juntos na jornada por um DF melhor.
Contem comigo, continuarei contando com todos vocês, meus Líderes queridos.

A Administração Regional do Paranoá recebeu nesta manhã a visita do coronel Alexandre Ferro, subsecretário de Gestão de Escolas Compartilhadas (Segecom), da Secretaria de Segurança Pública (SSP/DF). O objetivo do encontro foi para discutir sobre assuntos relacionados ao projeto de Colégios Cívico-Militares do Distrito Federal. 

O Centro Educacional 01 do Paranoá será a primeira escola pública da cidade que adotará este método de gerenciamento. A Administração do Paranoá, prontamente, anunciou uma série de ações a serem realizadas na escola. São elas:

– Doação de kits esportivos;

– Reforma da quadra poliesportiva em frente a escola;

– Criação de estacionamento externo;

– Reforço da segurança pelo 20º BPM. 

 

A Reunião contou com a presença da Tenente Maria Ribas, comandante disciplinar do CEF 01 do Paranoá e Fávio Fraga, diretor pedagógico do CEF 01 do Paranoá. 

 

O que é Projeto das Escolas de Gestão Compartilhada?*

O projeto das Escolas de Gestão Compartilhada – EGCs, é fruto de uma parceria entre a Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal – SEEDF e a Secretaria de Estado de Segurança Pública do Distrito Federal – SSP/DF. Trata-se de um projeto de Colégios Cívico-Militares do Distrito Federal, executado em Unidades Escolares – UEs da Rede Pública de Ensino do Distrito Federal, de Ensino Fundamental e Médio. 

A cidade do Paranoá está em pleno desenvolvimento e chegou a vez de receber seu primeiro papa-entulho, equipamento do Serviço de Limpeza Urbana (SLU) para a população realizar o descarte correto de resíduos volumosos. 

Localizado no Conjunto D da Quadra 5, o papa-entulho está em processo de construção. Quando inaugurado, será possível descartar no local resto de obra e de podas, móveis velhos, material reciclável e óleo de cozinha usado. O papa-entulho recebe, gratuitamente, até um metro cúbico (1 m³) de resíduo por cidadão por dia. Vale lembrar que o descarte de material eletrônico é realizado em local designado para isso, logo não é permitido usar o papa-entulho para essa categoria de material.

Imagens:

O projeto Mais que Vencedor é uma ação da Secretaria de Juventude executado pelo Serviço Social da Indústria do DF (Sesi-DF) que tem o objetivo preparar candidatos para as provas de acesso ao ensino superior como vestibulares tradicionais, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e o Programa de Avaliação Seriada (PAS). Os interessados devem ter de 15 a 29 anos.

Parceria com a Secretaria da Mulher, o projeto Todas Elas quer capacitar 2,8 mil mulheres do DF. Live inaugural será nesta quinta

 

A Secretaria da Mulher do Distrito Federal, em parceria com a Fundação Assis Chateaubriand, lançará em uma live, nesta quinta-feira (16), a quarta turma do Programa “Todas Elas”. Nesta edição, a maior já realizada, 2,8 mil mulheres de baixa renda de todo o Distrito Federal poderão se inscrever pelo site do projeto (https://www.facbrasil.org.br/todas-elas).

Trata-se de um programa gratuito, no qual as mulheres receberão formação empreendedora, apoio psicossocial, mentorias, premiações pelo desempenho e ainda terão acesso à microcrédito em condições especiais para investirem em seus negócios.

O programa foi criado como uma iniciativa para fomentar a inclusão social e para promover o desenvolvimento local. É uma estratégia de acesso à cidadania voltada para mulheres em situação ou risco de vulnerabilidade, que visa apoiá-las na transformação por meio de seus talentos em negócios.

“Esta parceria é de extrema importância porque a gente precisa incentivar a inserção das mulheres no empreendedorismo e no mercado de trabalho por meio da capacitação. É preciso compreender que a autonomia econômica é fundamental para elas, e que, inclusive, é uma estratégia para quebrar um ciclo de violência. Uma mulher que se sustenta tem capacidade de escolha”, defende a secretária da Mulher, Ericka Filippelli.

O Todas Elas já apoiou mais de mil artesãs, costureiras, empreendedoras da área da beleza, da limpeza e da gastronomia a incrementar suas vendas; a atender melhor seus clientes, bem como a estruturarem seus negócios; a precificarem seus produtos e serviços de maneira adequada e a incrementarem seus empreendimentos.

O deputado distrital Rodrigo Delmasso (Podemos), apoiador desta edição do projeto, ressalta a importância do Todas Elas para o público feminino e afirma que “este projeto traz às mulheres uma ressignificação de sua importância na sociedade. Precisamos, todos os dias, não só reafirmar mas proporcionar ações que tenham como objetivo a inclusão e a valorização da mulher. O lugar de mulher é onde ela quiser!”

“Buscamos ter sobre essas mulheres uma visão 360º sobre suas necessidades, e suprir muitas das lacunas que marcam suas vidas. E isso só é possível graças a uma rede de parceiros que enxergam seu potencial e apostam nessas mulheres como uma estratégia não só para transformação de suas vidas, mas também de transformação de toda uma sociedade”, reforça a Superintendente da Fundação Assis Chateaubriand, Mariana Borges.

Se quiser conhecer mais sobre o projeto e se tornar um parceiro, ou mesmo para indicar mulheres para participarem e transformarem seus talentos em negócios, não perca a nossa live inaugural e faça sua inscrição.

 

 

Reforma do campo faz parte da iniciativa Adote uma Praça e está sendo custeada pelo Capital Clube de Futebol

 

A bola vai rolar em 2022 no Estádio JK, no Paranoá. Está prevista para janeiro a entrega da obra do campo de futebol, que foi apadrinhado em abril de 2021 pelo Capital Clube de Futebol (CCF) por meio do projeto Adote uma Praça, da Secretaria de Projetos Especiais (Sepe). Com 90% dos trabalhos executados, o estádio passará por uma vistoria técnica em 4 de janeiro, com os órgãos competentes. A expectativa é de que no dia 22 já esteja apto para a primeira partida do clube no Campeonato Candango contra o Taguatinga Esporte Clube.

Inaugurado em 2002, o espaço estava abandonado há alguns anos, até que o Capital Clube viu no espaço a oportunidade de ter um local próprio e criar um vínculo com a comunidade do Paranoá. “Eles vieram com um projeto de investir em futebol na região e sugerimos a adoção do Estádio JK, que está há mais de 10 anos sem reforma”, explica o chefe de gabinete da Administração Regional do Paranoá, Francisco Alves.

A escolha pelo estádio do Paranoá se deve a uma série de fatores. “Vimos que o espaço estava abandonado e sem gestão. A nossa ideia é mandar os jogos lá. É uma cidade que respira esporte e lazer”, explica o presidente do CCF, Godofredo Gonçalves Filho.

“A ideia é ter uma casa que seja um caldeirão, aconchegante… Já temos uma certa aproximação com a população, mas queremos estimular a torcida da região”, completa.

A reforma custeada pelo clube consiste na troca do gramado; recuperação e pintura do banco de reservas, da arquibancada, do alambrado e dos muros; construção de portões de emergência e da área administrativa, com vestiário e cabine de transmissão; e as instalações  do sistema de iluminação, irrigação, hidráulico e de parte de drenagem.

Parceria

Apesar das obras estarem sendo bancadas pelo clube, o estádio, que tem capacidade para até 6 mil pessoas, continuará sendo um espaço público. Essa é uma premissa do projeto Adote uma Praça. Por isso, a inauguração deve ser com um jogo amistoso de portões abertos. A Administração Regional do Paranoá também poderá realizar eventos no espaço.

Iniciado em 2019, o Adote uma Praça tem como objetivo firmar parcerias com empresários e moradores da capital para a manutenção e recuperação de espaços públicos, como praças, jardins, equipamentos esportivos, estacionamentos, monumentos e pontos turísticos, entre outros.

Segundo o secretário de Projetos Especiais, Roberto Andrade, desde a criação da iniciativa já são 170 pleitos de adoção. Destes, 70 já foram entregues à população e os outros 100 são esperados para 2022. Para Andrade, o sucesso do programa se deve pelo sentimento de pertencimento que cria na população. “É um projeto para resgatar a consciência cidadã e a integração entre povo e governo, um fato novo em Brasília”, avalia.

Após a parceria no Estádio JK, outros espaços semelhantes em Taguatinga e Planaltina estão sendo analisados para entrar no projeto. Para apresentar uma proposta, basta procurar a administração da região administrativa do espaço público desejado e preencher um formulário de propósito. O documento é enviado para a Sepe, que fica responsável pela análise. “Fazemos a triagem, avaliamos se não compromete a infraestrutura e o sistema viário e damos encaminhamento”, explica o secretário.

*Com informações da Agência Brasília

Serviço funcionará aos fins de semana; itinerário sai do Itapoã passando pelo Paranoá

 

Uma nova linha de ônibus vai levar os passageiros do Itapoã e do Paranoá para a Prainha Norte, no Setor de Mansões do Lago Norte, a partir deste sábado (1º). A circular 784.4 terá 12 viagens aos sábados e domingos, partindo do ponto de soltura que fica próximo à garagem da empresa Pioneira, no Itapoã. A tarifa é R$ 2,70.

O serviço vai atender, entre outros locais, os moradores dos condomínios Del Lago I e II e do Paranoá Parque, passando também pela Avenida Paranoá e pela Rua Alta Tensão até a Prainha Norte.

A Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob) implanta o novo serviço após solicitação feita pelos moradores, que foi encaminhada à pasta pelo administrador do Paranoá, Sérgio Damasceno. “É uma forma de proporcionar mais lazer para esses passageiros aos fins de semana”, explica o subsecretário de Operações da Semob, Márcio Antônio de Jesus.

Melhorias

Em 2021, a Semob realizou mais de mais de 700 intervenções para melhorar o transporte público coletivo local. Do total, mais de 630 mudanças foram feitas no serviço básico e outras 70 no rural. Entre as principais medidas tomadas, além da criação de novos serviços e de ampliação dos trajetos, estão alterações na tabela horária e reativação de linhas.

Atualmente, a frota do DF é composta por 2.815 ônibus, que funcionam em 858 linhas, fazendo uma média de 20 mil viagens por dia. Os passageiros podem fazer pedidos de criação, alteração de itinerários e aumento na quantidade de viagens das linhas de ônibus por meio do 162 ou pelo site: www.ouv.df.gov.br.

Nova linha: 784.4 – Itapoã/Paranoá (Paranoá Parque)/Prainha
Início: Sábado (1º)
Tarifa: R$ 2,70
Horários (partindo do Itapoã, no ponto de soltura próximo à garagem da Pioneira): 7h50, 8h25, 9h, 9h35, 10h10, 10h45, 15h, 15h35, 16h10, 16h45, 17h20 e 17h55
Empresa: Pioneira

* Com informações da Semob

Em clima de confraternização, restaurante comunitário serviu cardápio especial e ainda ofertou atividades para a criançada e toda a família

 

Diversão, boa comida e confraternização em espírito natalino. Assim foi este sábado (18) no Restaurante Comunitário do Paranoá, uma das sedes da campanha Nosso Natal 2021, coordenada pela primeira-dama e secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha. A ação foi acompanhada pela Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob) e pela Secretaria de Ciência Tecnologia e Inovação (Secti), juntamente com a Administração Regional do Paranoá.

Cerca de 1,5 mil pessoas estiveram no restaurante comunitário para se servir do cardápio especial de Natal. As crianças ganharam brinquedos e todos se divertiram com músicas e parquinhos infantis instalados no local. Durante três horas, foram servidas mais de 2 mil refeições, entre pratos para consumo no local e marmitas “para viagem”.

O secretário da Semob, Valter Casimiro, fez questão de ajudar a servir as refeições e falou sobre a importância do evento que conta com a participação de todas as secretarias e órgãos públicos do Governo do Distrito Federal. “É um prazer estar aqui no Paranoá para trazer esse almoço especial para a comunidade e poder confraternizar com as pessoas para desejar que todos tenham um feliz Natal e um excelente ano novo”, disse Casimiro.

Distribuindo brinquedos para as crianças, o secretário da Secti, Gilvan Máximo, destacou a presença do GDF em todas as regiões administrativas do Distrito Federal. “Estamos presentes com obras importantes e também com ações sociais, levando amor e estendendo as mãos para as pessoas”, afirmou.

O administrador regional do Paranoá, Sérgio Damaceno, lembrou que a pandemia da covid-19 ainda não acabou e isso aumenta a responsabilidade e a importância do GDF realizar um evento como o Nosso Natal. “A população carente do Paranoá e região precisa dessa oferta de comida saudável, a custo acessível, e hoje com um almoço diferente para comemorar o Natal com a comunidade”, disse.

A Administração Regional do Paranoá também ofereceu às crianças um espaço para diversão em pula-pula, brinquedos infláveis e pintura no rosto e braços. As mulheres ganharam atenção especial com maquiagem e sobrancelhas. Tudo acompanhado de muita música e brincadeiras.

Cardápio especial

O restaurante comunitário ofereceu um cardápio especial de Natal. O prato principal foi pernil ao molho Califórnia, com caldas de pêssego e figo. Os acompanhamentos e guarnição foram farofa natalina, salada, arroz branco e feijão carioca. Para beber foi servido suco de abacaxi com hortelã e de sobremesa, manjar de coco com calda de ameixa.

A senhora Maria Antônia, dona de casa de 80 anos, conta que todos os dias adquire as refeições no restaurante comunitário. “A comida de hoje estava muito gostosa, mas nos outros dias também é sempre muito boa. Todo dia eu tomo café da manhã aqui e às 11h venho pegar o almoço e a janta pra levar pra casa”, afirmou.

Toque do chef Rosario

O almoço de Natal no Restaurante Comunitário do Paranoá foi preparado pelo chef Rosario Tessier, da Trattoria da Rosario. Italiano da cidade de Nápoles, ele mora no Brasil desde 1993 e há 20 anos é dono do restaurante italiano mais premiado de Brasília.

Acostumado a oferecer ingredientes italianos em seu estabelecimento, Rosário aceitou o desafio de elaborar um prato tipicamente brasileiro. E, como surpresa, o chef acrescentou no cardápio uma macarronada italiana, feita com molho de almondegas.

“É um prato que agrada a todos, crianças e adultos”, disse o chef, ao explicar que essa macarronada é típica do sul da Itália. “Esse prato é comum nos finais de semana dos italianos, para reunir toda a família, e fica saboroso porque tem queijo parmesão, ervas e molho de tomate. Estou muito feliz de estar aqui, porque adoro esse tipo de evento e me sinto bem em poder ajudar as pessoas”, afirmou.

Segurança alimentar

O Restaurante Comunitário do Paranoá é um dos maiores e mais completos entre os 14 estabelecimentos do tipo mantidos pelo GDF. Oferece café da manhã e almoço de segunda-feira a sábado, com média de 1.400 refeições por dia, chegando a 2.200 refeições nas sextas-feiras. O restaurante emprega 23 funcionários, todos moradores da região administrativa do Paranoá, sob coordenação da nutricionista Geyssianne Santos.

Os restaurantes comunitários são responsáveis pelo preparo de refeições saudáveis e pela venda a preços acessíveis. O objetivo é garantir à população em situação de vulnerabilidade social o acesso à alimentação adequada.  As refeições custam R$ 1,00 o almoço e R$ 0,50 o café da manhã. As pessoas em situação de rua que têm cadastro no Serviço de Abordagem Social não precisam pagar para se alimentar nesses restaurantes.

*Com informações da Agência Brasília e Secretaria de Transporte e Mobilidade do DF.

 

Fotos:

População aprova evento Nosso Natal realizado nos restaurantes comunitários neste sábado (18). Procura aumentou 77% em relação ao ano passado

 

Uma ceia especial e nutritiva com arroz, farofa, feijão, salada, pernil e frango por R$ 1. Este foi o cardápio de milhares de brasilienses que compareceram aos restaurantes comunitários neste sábado (18) para participar da terceira edição do Nosso Natal. O evento, promovido pelo Governo do Distrito Federal (GDF), foi coordenado pela Subchefia de Políticas Sociais e Primeira Infância e superou a marca de cerca de 53 mil refeições servidas.

Cada um dos restaurantes comunitários do DF foi abraçado por um chef de cozinha. Em Samambaia, quem assumiu os trabalhos foi o governador Ibaneis Rocha, responsável por servir a comunidade no famoso Rorizão, como a unidade é conhecida. De lá, o chefe do Executivo local passou no restaurante comunitário de Ceilândia, onde presenteou crianças e jovens. Juntas, essas duas unidades venderam mais de 13 mil refeições.

“É um cardápio natalino e a ideia é essa: trazer para essa população mais carente, que se alimenta diariamente nos restaurantes comunitários, uma comida que tenha um certo diferencial e que chame esse momento de Natal”, destacou o governador Ibaneis Rocha.

Entre 2020 e 2021, os restaurantes comunitários serviram quase 15 milhões de refeições. O que, segundo o governador, ajudou muita gente desempregada ou carente em um momento tão difícil.

Nas duas edições anteriores, o Nosso Natal vendeu 77 mil refeições – 46 mil em 2019 e 31 mil em 2020. Neste ano, a procura subiu 77% e superou a marca de 53 mil pratos de comida servidos. Devido às restrições impostas pela pandemia, no ano passado os restaurantes comunitários estavam fechados para consumo nas suas instalações, o que fez com que as refeições fossem vendidas em marmitas e levadas para casa. Nesta edição, as unidades ofereceram marmitas e ainda a oportunidade de almoço no local.

“Em 2019 foi uma grande festa, uma oportunidade de celebrarmos juntos o Natal. No ano passado, veio a pandemia e não conseguimos fazer nos restaurantes comunitários. Esse ano, surge uma oportunidade de fazermos, com mais segurança. É um momento muito oportuno. É uma celebração em conjunto, uma ceia especial de Natal”, afirma a secretária de Desenvolvimento Social e primeira-dama, Mayara Noronha Rocha.

“Muito legal o evento porque reúne a comunidade, e é bom para as crianças e para a gente curtir. Tomo café e almoço aqui no restaurante de Samambaia todos os dias. Acordei cedo para provar essa ceia especial”, comenta a dona de casa Lizandra Lima Viana, de 28 anos, moradora de Samambaia.

Os restaurantes comunitários do DF serviram, entre janeiro e novembro deste ano, 7,1 milhões de refeições. A média diária é de 24,2 mil pratos de comida, o que reforça a importância desta grande rede de Segurança Alimentar e Nutricional no DF. As refeições custam R$ 7,17 e o governo complementa com R$ 6,17. Com esse subsídio, o cidadão paga apenas R$ 1 por refeição.

Vacinação contra covid-19

Além da ceia especial de Natal, o evento contou com a participação de outros órgãos e secretarias, como a de Saúde, que levou um posto de vacinação contra covid-19 para os restaurantes comunitários. Moradora de Samambaia, a dona de casa Ana Cristina, de 42 anos, aproveitou para comprar sua refeição e iniciar o ciclo vacinal. “Resolvi vacinar porque essa doença não é brincadeira não”, explicou.

Com 91,47% da população vacinada com a primeira dose e 81,13% vacinada com a segunda dose ou dose única, o secretário de Saúde, Manoel Pafiadache, afirma que o trabalho é para encontrar e imunizar a população que ainda não procurou os postos.

“Estamos aproveitando este dia em que a Sedes planejou um almoço diferenciado para o Natal e nós não poderíamos deixar de ofertar a vacinação contra covid-19. Este esforço é pela busca ativa, é para aumentarmos a cobertura vacinal em todo o Distrito Federal”, explica o secretário.

 

*Com informações da Agência Brasília.

Ceia especial a R$ 1 será oferecida neste sábado (18) em todas as unidades; edições de 2019 e 2020 serviram, juntas, 77 mil refeições

 

São 15 chefs de cozinha, secretários, um governador e os restaurantes comunitários preparados para oferecer à população em situação de vulnerabilidade um almoço especial de Natal. Neste sábado (18), o Governo do Distrito Federal (GDF) mobiliza órgãos públicos para realizar a terceira edição do Nosso Natal.

O evento, coordenado pela primeira-dama e secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha, vai levar aos fogões industriais cozinheiros dispostos a imprimir seus conhecimentos da alta gastronomia em refeições vendidas a apenas R$ 1. O governador Ibaneis Rocha repete o feito das edições anteriores e assume o comando de uma das cozinhas.

Para Mayara, a campanha leva o espírito natalino àqueles que mais precisam. Ela ressalta que a integração de esforços das pastas do GDF e dos chefs que abraçaram o projeto fará deste sábado (18) um dia inesquecível nos restaurantes comunitários.

“É sempre tempo de olharmos para o próximo e proporcionarmos momentos positivos, principalmente nessa época do ano.”

Nas duas edições anteriores, o Nosso Natal vendeu 77 mil refeições – 46 mil em 2019 e 31 mil em 2020. Devido às restrições impostas pela pandemia, no ano passado os restaurantes comunitários estavam fechados para consumo nas suas instalações, o que fez com que as refeições fossem vendidas em marmitas e levadas para casa.

Os restaurantes servem, em média, 3 mil refeições de almoço por dia. A expectativa é que, com a ceia do Nosso Natal, esse número seja 25% maior e possa atingir a marca de 4 mil refeições vendidas.

Neste sábado (18), os restaurantes estarão abertos das 11h às 14h e todos darão a opção de consumir o almoço no local ou levá-lo em uma marmita. No menu, um cardápio sugerido aos chefs convidados é pernil ao molho Califórnia (abacaxi, pêssego e figo), coxa e sobrecoxa assadas ao molho de limão e ervas, farofa natalina, arroz, feijão e salada. Para beber, suco de abacaxi com hortelã. A sobremesa será manjar de coco com calda de ameixa.

Especializado em gastronomia do Cerrado, o Chef Vinicius Rossignoli participa, pela terceira vez, do Nosso Natal. Vencedor do Prêmio Dólmã como Embaixador da Gastronomia no DF, ele pretende utilizar a jaborandi do Cerrado, uma pimenta típica da região, como diferencial no preparo da sua ceia no restaurante comunitário de Planaltina. “Gastronomia é juntar pessoas. E é isso que o projeto propõe: usá-la como instrumento de inclusão social tornando-a acessível a milhares de pessoas nesta festa de Natal”, acredita.

Recreação

Se do lado de dentro os chefs comandam os fogões e oferecem uma ceia especial aos frequentadores, do lado de fora as secretarias do DF e autarquias se dividiram para oferecer atividades recreativas a quem for almoçar em cada um dos restaurantes comunitários.

Em Brazlândia, algumas atrações serão brinquedos infláveis para as crianças, pipoca, algodão doce, música ambiente e a distribuição de mil sementes de alface pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-DF). Técnicos da empresa estarão em uma unidade móvel dando orientações sobre agricultura. No Gama, estão previstas apresentações musicais e teatrais, DJs e brinquedos infláveis.

Os restaurantes comunitários que irão participar do evento de sábado são: Planaltina, Ceilândia, Estrutural, Samambaia, Recanto das Emas, Riacho Fundo II, Gama, Brazlândia, Pôr do Sol, Itapoã, Paranoá, Santa Maria e São Sebastião.

*Com informações da Agência Brasília.

 

Encontro serviu para ampliar visão econômica da cidade

 

O Secretário de Desenvolvimento Econômico, Márcio Faria Junior, visitou a Administração Regional do Paranoá e aproveitou para trazer boas notícias referentes ao campo econômico da cidade. Diante de toda equipe técnica da Coordenação Executiva o gestor apresentou informações sobre a criação do setor de desenvolvimento econômico do Paranoá Parque e destinação de área para construção de dois postos de combustíveis para região. O Secretário Executivo das Cidades, Valmir Lemos de Oliveira, esteve presente dando sua contribuição no encontro.

A área destinada para o setor de desenvolvimento econômico já está em processo de matrícula cartorial e dentro de alguns dias será possível a realização de edital por parte da Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) para comerciantes interessados na compra do lote ou aqueles que querem fazer uma concessão de direito real de uso pelo Desenvolve – DF, Programa de Apoio ao Empreendimento Produtivo.

Já os dois novos postos de gasolina que servirão para resolver uma demanda urgente dos motoristas da região que chegam a passar mais de 40 minutos em fila de abastecimento, possíveis áreas já estão sendo estudadas para a construção dos empreendimentos.

Além disso, a regularização fundiária da região do Paranoá foi um ponto importante no encontro, visto que, esse é uma pauta antiga da comunidade local.    

Tanto o setor de desenvolvimento quanto a construção dos postos de gasolina fazem parte dos planos do Governador, Ibaneis Rocha, para o crescimento econômico do Paranoá.

 

Imagens:

Evento teve objetivo de alertar moradores quanto à importância da separação correta do lixo, seu armazenamento e dias de coleta

 

O Serviço de Limpeza Urbana (SLU), em parceria com a Administração Regional do Paranoá, cooperativa de catadores e voluntários realizou nesta sexta-feira (10), a primeira mobilização sobre coleta seletiva de lixo no Paranoá. A ação teve objetivo alertar os moradores quanto à importância da separação correta do lixo, armazenamento e os dias em que são recolhidos.

“Hoje foi feito um trabalho de educação e conscientização da população do Paranoá, mostrando a importância da coleta seletiva e alertando sobre os horários. Certamente este é um trabalho que vai melhorar a qualidade de vida dos moradores”, disse o administrador do Paranoá, Serginho Damaceno.

O principal objetivo da ação é conscientizar e informar a população sobre as consequências de um descarte irregular de lixo, bem como explicar os serviços prestados pelo SLU. Os servidores da Coordenação de Mobilização do SLU se uniram às equipes de mobilizadores das empresas contratadas, servidores da RA, cooperativas, além do apoio do Corpo de Bombeiros e Polícia Militar, e foram às ruas e ainda de casa em casa levando orientações importantes, como, por exemplo, os dias e horários que a coleta passa nos locais.

“As pessoas ainda têm dúvidas sobre onde colocar seus resíduos, como separar. Por isso o presidente do SLU, Silvio Vieira, nos pediu essa ação, que a gente realiza a cada 15 dias em uma região administrativa diferente. É um projeto que visa mobilizar e conscientizar a sociedade para a importância da separação correta dos seus resíduos e do descarte consciente”, explicou a coordenadora de Mobilização do SLU, Efigênia Lustosa.

A coleta seletiva do Paranoá é realizada com a cooperativa Recicla Mais Brasil e acontece às terças e quintas-feiras, entre 14h e 18h.

Foram entregues cartilhas educativas aos moradores contendo todas as informações necessárias para manter a cidade limpa e organizada. Essa foi é a sétima Mobilização em Ação realizada pelo SLU neste ano e a última de 2021. A ação será retomada em 2022, sempre com a parceria das regiões administrativas e demais órgãos de governo.

Serviço

Confira o dia e horário da coleta seletiva e tradicional da sua quadra no aplicativo SLU Coleta DF ou no  site do SLU em: https://www.slu.df.gov.br/dias-e-horarios-das-coletas/

Área rural também passa por manutenção

 

Pensando em melhorar ainda mais a infraestrutura das ruas e avenidas do Paranoá e melhorar a qualidade de vida dos moradores a Administração Regional está intensificando suas ações de limpeza e conservação dos espaços públicos.

Ao longo de toda semana a equipe de trabalho esteve realizando serviços essenciais para manter a cidade limpa e organizada, sobretudo, visando a não proliferação de vetores causadores de doenças como o mosquito da dengue.

O Paranoá tem a segunda maior área rural do Distrito Federal e a primeira em número de comunidades, o que aumenta a responsabilidade dos serviços de manutenção e conservação destas áreas específica.

 

Serviços:

Com o auxílio da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) foi realizado a poda de árvores no núcleo rural Boqueirão.

 

Foi realizada a retirada de inservíveis de todas as baias dos condomínios do Paranoá Parque.

 

Fazendo reparação dos estragos causados pelas chuvas, foi realizada operação de tapa buraco também no Paranoá Parque.

 

No núcleo rural Tamanduá, foi realizado patrolamento das estradas e construído bolsões para escoamento e diminuição do impacto das águas das chuvas.

 

Na Rajadinha 2, área rural do Paranoá, esta sendo realizado o assentamento e patrolamento das estradas, que além de facilitar o acesso à comunidade, auxilia no escoamento da produção agrícola.

Prática tem aumentado em todo DF

 

A Prática de furto das redes de fiação elétrica é um crime que tem aumentado muito no Distrito Federal causando prejuízo aos cofres públicos. O constante vandalismo aos cabos é a principal causa da falta de energia para o consumidor.

O cobre é um metal nobre e excelente condutor de energia elétrica. Dessa forma, os criminosos fazem o furto para extrair esse material para revendê-lo. Eles queimam a fiação e extraem o cobre.

No Paranoá, nos arredores do campo sintético da cidade, criminosos disfarçados de servidores da Companhia Energética de Brasília (CEB) furtaram os cabos cobre. A situação já está sendo resolvida, porém, levará alguns dias para ser normalizada.

Em anos anteriores (2018,2019) o prejuízo da CEB Distribuição com esses atos criminosos ultrapassou R$ 3 milhões. O Paranoá não está entre as cidades com maior incidência de furtos, mas vale ligar o sinal de alerta.

Caso pessoas suspeitas e não autorizadas sejam flagradas fazendo intervenções em postes e nas câmaras subterrâneas, a orientação é que a população acione a Polícia Militar pelo telefone 190 ou a ouvidoria da Administração Regional do Paranoá no telefone (61) 9 9236-7221.

Parceiros poderão construir ou fazer manutenção das paradas de ônibus

Empresários e moradores do Distrito Federal poderão participar do programa ‘adote um abrigo’, lançado pela Secretaria de Transporte e Mobilidade. O programa abrange as paradas de ônibus do transporte público coletivo, utilizados para embarque e desembarque dos passageiros. A portaria nº 138, de 15 de setembro de 2021, que institui o programa, foi publicada no Diário Oficial (DODF) desta quinta-feira (16) e já está em vigor.

O programa de cooperação vai permitir que os interessados possam construir, adequar, substituir ou assumir a manutenção de paradas de ônibus. Serão oferecidos para adoção cerca de 2.700 paradas de coletivos com abrigos de concreto e 565 pontos com placas de sinalização.

A adoção poderá ser feita por empresa ou cidadão. Quem assumir a parada de ônibus poderá instalar placas com mensagens indicativas de cooperação, onde serão publicados os dados do parceiro e da cooperação celebrada com o GDF. Os interessados poderão escolher entre adotar uma única parada ou assumir um conjunto de abrigos de sua livre escolha.

Para o subsecretário de Terminais da Secretaria de Transporte e Mobilidade, Ronivaldo Bento Costa, a ampliação dos serviços ofertados pelo poder público, por meio da iniciativa privada ou pela população é positiva, pois, além de melhorar a infraestrutura, confere identidade própria a cada região administrativa ou localidade. “É importante esse cuidado, pois os abrigos de passageiros compõem a infraestrutura de transporte e são mobiliários essenciais para oferecer conforto e segurança aos seus usuários”, acrescenta.

Para adotar um abrigo, o empresário ou morador deverá manifestar interesse por meio de requerimento que precisa ser protocolado na Semob. Se a proposta for aprovada, é preciso assinar o termo de cooperação com a Secretaria. Os serviços só poderão ser iniciados após a publicação no Diário Oficial do DF. O prazo de adoção é de até 48 meses e a renovação só será possível após avaliação técnica dos serviços realizados nesse período.

Os empresários ou moradores interessados poderão conhecer detalhes do programa por meio dos documentos que estão publicados no site da Semob. Além da portaria, o modelo de termo de cooperação, os modelos de abrigo e o detalhamento dos serviços referentes à construção   ou   manutenção   de   abrigos   estão   disponíveis   no link https://semob.df.gov.br/adote-um-abrigo/.

Período de precipitações liga alerta no Paranoá

 

Muitas vezes a chegada do período das chuvas vem trazer alívio para calor e amenizar os efeitos causados por ele. Mas nem sempre é assim, chuva em excesso pode causar grandes prejuízos à cidade e risco aos moradores. Por isso, alguns cuidados devem ser tomados.

 

A Administração Regional do Paranoá atendendo as recomendações do Governo do Distrito Federal e atenta aos problemas que o período de precipitações pode trazer começou a realizar uma série de ações preventivas na cidade.

 

Poda de árvores

Responsáveis pelas sombras nos dias de sol as árvores podem se tornar um perigo nos dias chuvosos. A queda de vegetações é responsável por prejuízos materiais e acidentes. Mas a poda de galhos é uma saída para evitar problemas.

 

Bocas de lobo

A equipe de trabalho da Administração realizou a limpeza preventiva das bocas de lobo das vias e entrequadras da cidade com o intuito de minimizar possíveis transtornos causados pela chuva.

 

Tapa buraco

Para minimizar os efeitos da chuva e garantir a mobilidade urbana a equipe de trabalho da Administração está realizando o serviço de tapa buraco nas vias da cidade.

 

Entulho

A retirada do entulho também é uma importe ação preventiva no período de chuva, pois evita o alagamento das ruas e vias, uma vez que, com a força das águas, os dejetos deixados na rua são levados até os bueiros e bocas de lobo.

Manutenção será feita mensalmente

 

Neste ano de 2021 a Administração Regional do Paranoá realizou a revitalização da Praça Central do Paranoá. As intervenções transformaram o local em ponto de encontro familiar trazendo novamente o ar de comunhão aos moradores.

Com a restauração da fonte luminosa surgiu a necessidade de um serviço de manutenção de limpeza da água utilizada na estrutura, para prevenir problemas como dengue e outras doenças mantendo assim a qualidade de vida e saúde da população do Paranoá.

A fonte tem um formato circular com 9,45 m de diâmetro, cerca de 60 cm de profundidade, contendo aproximadamente 42 m³ de água. A limpeza deve ser feita semanalmente pela empresa SL Piscinas, especialista neste tipo de serviço.

Em homenagem ao Dia do Servidor Público, a Procuradoria-Geral do Distrito Federal promove a palestra "Uma Abordagem Inicial sobre a Comunicação Não Violenta e a Escuta Ativa", a ser ministrada pela Juíza Titular da Vara da Violência Doméstica e Familiar Contra à Mulher do Recanto das Emas, a senhora Cristiana Torres Gonzaga.

A Comunicação Não Violenta – CNV – é um conjunto de técnicas que estimula a conexão entre as pessoas, para desenvolver uma expressão mais autêntica e honesta nas relações interpessoais. Sua aplicação no ambiente de trabalho é essencial para:

 

·                reuniões mais efetivas;

·                feedbacks mais construtivos;

·                instrumental adequado para mediação de conflitos;

·                gestão de equipes;

·                melhor atendimento ao público e ao cidadão;

·                e maior produtividade na prestação do serviço público.

 

Desta forma, a CNV faz-se um importante alicerce para a performance otimizada de equipes, para a resolução pacífica de conflitos e para a construção de ambientes acolhedores.

Quer saber mais? Inscreva-se por meio do link abaixo! 

Inscrições: https://bit.ly/palestra-comunicacao-nao-violenta-pgdf

Data: 27/10/21

Horário: das 14h às 15h.

Local: Plataforma Teams.

 


SEDUH informou haver áreas disponíveis

 

O trabalho diário da Administração Regional do Paranoá é pautado por aquilo que a comunidade necessita. Por isso, é de suma importância manter a proximidade com o cidadão de forma a não perder demandas essenciais para a melhora de suas vidas.

Partindo desse princípio, o Administrador Regional do Paranoá, Serginho Damaceno, enviou processo para Secretária Executiva de Gestão de Território (SEDUH) solicitando áreas destinadas para construção de postos de gasolina.

No Paranoá, atualmente, funcionam dois postos de gasolina que não respondem satisfatoriamente a demanda da região causando transtorno para os moradores da comunidade.

Em resposta ao ofício enviado, após análise, a SEDUH informou haver duas áreas destinadas para atividades de comércio varejista de combustíveis e lubrificantes, designadas como unidade de uso e ocupação do solo UOS “PAC 2”, sendo também admitida essa atividade nos lotes da UOS CSII 2, em destaque na imagem no início desta matéria.  

A Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) também foi acionada para analisar as questões fundiárias dos lotes sinalizados pela SEDUH e dar seguimento aos trâmites do processo iniciado pela Administração do Paranoá.

O próximo passo a ser tomado pela Administração será uma reunião com o Presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis (Sindicombustíveis-DF), Paulo Tavares, para tratar dos assuntos concernentes a construção destes novos empreendimentos.

O Governo do Distrito Federal é uma máquina de entregar obras. Durante toda a gestão o Governador, Ibaneis Rocha, tem cumprido todas as promessas feitas e melhorado a qualidade de vida do morador do DF.

No Paranoá não é diferente. Dentre tantas intervenções espalhadas pelo Paranoá o início da construção do viaduto Paranoá/Itapoã é uma das mais importantes, pois esse era um anseio da comunidade.

Neste momento uma equipe de topografia está trabalhando no local para fornecer informações sobre a área de implantação da obra.  Isso é importante, pois cerca de 80% dos problemas encontrados na execução estão relacionados a erros não solucionados nesta etapa do projeto.

Trata-se de uma obra de grande magnitude, o viaduto será construído no entroncamento da DF-001 A DF-015. Haverá faixas de rolamento e acostamento, adequação à geometria das rodovias, reforma do pavimento existente, sinalização horizontal e vertical, ciclovia e ciclofaixa, além de barreiras de concreto New Jersey – modelo mais seguro e resistente – e contenções.

Oficinas Temáticas irão acontecer no formato misto, ou seja, presencial e virtual, em função da pandemia da COVID19.

Os eventos presenciais, limitados a 100 (cem) pessoas, deverão ocorrer em estrita observância aos protocolos e medidas de segurança recomendados pelas autoridades sanitárias.

A participação nos eventos presenciais ocorrerá mediante prévia inscrição, em formulário próprio, disponível no site do PDOT, no endereço eletrônico http://www.pdot.seduh.df.gov.br/.

Com relação à participação virtual, serão disponibilizados os links para as salas virtuais no site do PDOT http://www.pdot.seduh.df.gov.br/ e inclusive o link para o site do Conexão SEDUH no YouTube também estarão lá disponíveis.

As reuniões da manhã se iniciam às 9 hs e as da tarde se iniciam às 15 hs, sendo que as presenciais terão 30 minutos para o credenciamento, antes do inicio da oficina.

Esclarecimentos, pelo telefone 3214-4101 ou 3214-4102.

Mapa do site Dúvidas frequentes